Filme do Batiman

De Wikoleculares
Ir para: navegação, pesquisa

Uma redublagem da antiga série do Batman.

  • Onde assistir: sei lá, mas no PROCCM, vá em ~rodrigo/batiman.avi. Também é possível assistir no site www.batiman.kit.net
  • Quotes? Não serão necessários, tem o script inteiro aí:

Script

  • Cena 1: Início do episódio, ainda sem redublagem
Narrador: Um dia na escola.
Narrador: Um copo de leite.
Narrador: Não leite, mas... Dinheiro.
Narrador: Santo suco de vaca, é a vida fácil!
Narrador: Parece coisa do Coringa.
Narrador: Cuidado, garotos, o Coringa está atrás disso!
Narrador: Conta a verdade!
Narrador: O quê ele trama?
Narrador: Uma vitrola automática inocente...
Narrador: Ah é?
Narrador: Roubo por controle remoto?
Narrador: E na oficina do Coringa...
Narrador: A líder da torcida, Suzy.
Narrador: Um membro secreto do bando.
Narrador: Mas qualé o plano do Coringa?
Narrador: E aquela noite na escola...
Narrador: Cuidado!
Narrador: Ai!
Narrador: Gás nocauteador...
Narrador: E dentro desse furgão um jogo diabólico.
Narrador: Três limões dão direito a cinqüenta mil volts.
Narrador: Um limão... Dois limões...
Narrador: Uma pequena pausa. Cruzem os dedos pela dupla dinâmica!
(Música tema do seriado....)
Narrador: Estrelando Adam West e Burt Ward.
  • Cena 2: Furgão do Coringa
Narrador: Um adversário à altura de um medonho bandido.
Narrador: Vilão especialmente convidado: Cesar Romero
(Entrei na feira da fruta...)
Dick: Ih chefe, a cana, a cana tá chegando, chefe, a cana!
Coringa: A cana, filho dumas putas, como é que me descobriram aqui!? E o Batiman, porra, agora que vou fuder com o Batiman! E agora, o que que eu faço?
Ajudante: Eles tão chegando mais perto.
Coringa: Chegando mais perto? Vamo dar o fora daqui que nós tamo fudido. Vamo dar o fora daqui, vamo dar o fora daqui!
Policial 1: Êêê, que porra é essa aqui, hein?! Vamo ver o que tem lá atrás, vai.
Policial 2: Ê, vamo lá, vamo lá, vamo lá vê.
Policial 1: A dupla dinâmica?
Batiman: Não, séu seu guarda! É o seu pai e sua mãe vestidos para o baile dos enxutos!
Robin: Abre logo essa porra, seu filha da puta! tira a gente daqui, viado!
  • Cena 3: Sala do Comissário Gordon
Comissário: Puta que o pariu, Batiman. Eu não acredito em nenhuma palavra disso! Puta que pariu ô Chefe o'Hara!
Chefe o'Hara: E como é que pode ser verdade uma porra dessa, hein Batiman? Me explica essa porra!
Batiman: É simples Comissário, essa fita mostra tudo.
Comissário: Mostra o quê, caralho?!
Robin: A sua mãe trepando, fia da puta!
Batiman: Sua mãe e sua mulher são duas putas, comissário. Eu não queria falar nisso, mas a verdade é essa. São duas putas pagas.
Chefe o'Hara: Como puta paga, porra!?
Comissário: Puta paga? Caralho, e agora, como é que eu faço?
Batiman: É simples comissário, eu e o Robin estamos no encalço do... No encalço daquele filho da puta que as comeu. É muito simples, comissário...
Robin: Ela é uma puta mesmo. O açougueiro comeu ela.
Comissário: Puta que pa... Como?
Batiman: Comissário, eu e o Robin descobrimos ontem. Colocamos essa fita em seu apartamento para sabermos se o Coringa ia aparecer lá, mas... Ela nos traiu. A sua mulher é uma puta mesmo, comissário. Ela estava dando para o açougueiro.
Robin: Ela tava trepando com aquele açougueiro que tá cheio de gonorréia.
Batiman: E tem mais comissário. Eu e Robin descobrimos que sua mãe também é puta.
Comissário: Puta que pariu, então eu sou um viado! Tô fudido, eu preciso ir embora pra casa. Chefe o'Hara, como é que eu faço?
Batiman: Não faz nada, comissário. Eu e o Robin vamos cuidar de tudo. Quando nós descobrirmos alguma coisa vamos dizer ao senhor, não se preocupe. Eu e o Robin somos a dupla dinâmica.
Chefe o' Hara: Ah, dupla dinâmica é o caralho! Ceis são dois filha da puta.
Comissário: Eles são dois viado, né?
Batiman: Vam´bora Robin, vam´bora.
  • Cena 4: Batcaverna
Batiman: Humm... Como é que tá indo aí, Robin?
Robin: Tá ruim... Essa porcaria. Essa porcaria não funciona, porra!
Batiman: É claro que funciona, Robin.
Robin: Funciona nada pô, esse pau véio tá podre.
Batiman: Porra!
Robin: Caralho, essa merda não funciona!
Batiman: Robin, você é um garoto, não tem... não pode ficar falando palavrões. Você é um menino ainda.
Robin: Não enche o saco, porra! Merda!
Batiman: Robin.
Robin: Ahn? Eu não acredito, essa merda não funciona!
Batiman: Claro que funciona Robin, você que não sabe mexer em porra nenhuma!
Robin: Ô s...
Robin: Eu não agüento mais essa merda de Batcaverna. Porra, só eu que faço tudo nessa merda, saco! Vô embora, vô embora daqui! Merda! Saco!
Batiman: Mal agradecido. Vou te colocar num colégio interno.
Robin: Ah, vá tomar no cu!
Batiman: Robin, você me mandou tomar no cu? Eu não acredito no no que eu ouvi, não acredito no que eu ouvi, não pode ser verdade isso que eu escutei agora. Você é um menino ainda Robin, eu te criei.
Robin: Tá bom, tá bom, é verdade sim, agora não enche o saco.
Batiman: Mas precisamos bolar um plano para pegar o Coringa, Robin. Eu sei de um plano.
Robin: Eu também sei seu porra.
Batiman: Chega de brincadeiras. Vamos até a casa do Coringa. Eu e você.
Robin: Até a casa do Coringa? Fazer o que lá, porra? Fazer o que naquela merda?
Batiman: Eu sei, eu sei de um plano Robin. Você vai entrar no quarto dele, vai... Não, correção!
Robin: Ahn?
Batiman: Você vai se fantasiar como mulher do Coringa. Você vai se fazer passar pela mulher do Coringa. Você vai dormir uma noite com o Coringa. Você vai se faz... fantasiar de viado.
Robin: Glup! Merda!
  • Cena 5: Boteco
Robin: Batiman, tá me escutando seu bicha? Seu puto!
Batiman: Vamo parar com esse si-xingamento, hein!
Robin: Liga o radinho então nessa merda!
Batiman: Deixa eu ver essa porra aqui... Ué?! Robin, me dê sua "lecolização", por favor. Eu não estou entendendo nada do que tá escrito aqui.
Robin: Hmm... Hmm… Tá bom.
Clotilde: Nossa, o Robin, aquele viadinho, Dick!
Dick: Robin, viadinho? Quem é esse cara, porra? Ahn?
Robin: Olá putinha, tudo bem? Vamo transar hoje? Vamo comer uma bucetinha hoje?
Clotilde: Que isso Robin, você nunca falou assim, você é um viadinho. Você é viado!
Robin: Viado é a puta que pariu, sai dessa. Vamo, quero comer o seu cu hoje! Sua gostosa! Quem é o maconheiro aí, hein?
Dick: Olha aqui meu, maconheiro não hein, há há, engraçadinho você, hein? Muito engraçadinho pro meu gosto, viu? Viado!
Robin: Ah, esse cara é babaca.
Dick: Ahn?
Clotilde: Hmm. Tá na hora de ir embora já.
Robin: Você não vai sair daí não sua biscate, enquanto você não der pra mim. Entendeu sua filha da puta?
Clotilde: Que é isso Robin, você nunca falou assim comigo, seu filha da puta! Viadinho!
Robin: Ah, cala boca sua biscate. Senão você tomar um cacete aqui já já, hein.
Dick: Olha aqui ôô moleque, cê quer um cigarro?
Robin: Dá aí vai, dá essa porra aí. Só se for maconha. Acende essa merda logo.
Robin: UHU UHU AHA! (tossindo)
Dick: Êê...
Robin: Porra, essa merda não é maconha. Essa porra. Eu quero é maconha.
Clotilde: Ai, eu quero trepar com você Robin.
Dick: Ah, quer trepar com ele, é?
Clotilde: Só com ele, só com ele! Ele tem um pintão, cê não acha?
Dick: Cala a boca, sua puta!
Robin: Ó como você fala com ela, hein rapaz.
Dick: Ah, você não é aquele viadinho não, é?
Robin: Sou sim e daí?
Dick: E daí que você vai, vai trepar com o teu pai, vai bater uma punhetinha pro Batiman, tá?
Robin: Ah, cala a boca seu filho da puta, senão vou te acertar lá fora, hein.
Dick: Ah, acertar lá fora o caralho pô, cê é... Vai tomar no meio do seu cu, tá?
Robin: Vai se fuder, hein viado. Porra. Ah, vá tomar no cu...
Dick: Ah, engraçadinho, ah.
Robin: Engraçadinho é o caralho seu filha da puta, te acerto lá fora, hein maconheiro. Tchau hein sua putinha relaxada, te como ainda. Viado!
Dick: Vai tomar no cu!
Clotilde: Nossa, como é que você fala assim com ele, hein?
Dick: Você não viu que esse cara é viado, porra, ele tá aqui pra... É espião esse cara aí, porra, esse cara tá a mando do Batiman aqui, pô. Tsc, até minha vó sabe que esse cara é bicha. Pá é um viado, corno manso. Tá escrito na cara dele que ele é um corno, qué fudê com todo mundo, qué fudê com você. Ah, vai tomar no cu, vou embora também daqui, vai. Vaca!

Clotilde: Viado!

  • Cena 6: Batcaverna + Batmóvel
Robin: Batiman, eu não agüento mais lá em cima, tá um puta puteiro do caralho.
Batiman: Puteiro não Robin. Modere o seu linguajar.
Robin: É meu, a tia, a tia tá dando a buceta lá em cima. Tá dando no puteiro.
Batiman: Então vamo fazer uma coisa, vamo buscar umas puta pra trazer pra cá, vai.
Robin: Isso aí, vamo lá, vamo lá, vamo pegar umas puta.
  • Cena 7: Esconderijo do Coringa
(Entrei na feira da fruta...)
Coringa: Uuh, hoje eu vô comer o Batiman, vô fudê ele direitinho, vou tirar o pinto dele fora!
Dick: Ahá, e aquela biscate ali, o senhor não vai comer ela hoje não?
Coringa: Hein? Ah, deixa ela pra lá, essa menina aí não é de nada, eu não gosto de mulher, gosto mesmo é do Ba...
Ajudante: Esse cara pra mim é viado, hein.
Coringa: Hein? Minha filha, vem cá. Sabe que que é isso aqui minha filha? Isso aqui é pá amolecer pinto, isso aqui cai pinto. É um lico que você passa na cabeça do pau...
Clotilde: Aaii, eu nem acredito que isso é pra cair pinto!
Coringa: É, mas você vai passar isso na cabeça do pau do Batiman.
Clotilde: Não, do Batiman? Não acredito. Deixa eu...
Coringa: Não abre, não abre, não abre, não abre, não abre. Que senão vai cair o meu pinto. Agora você vai fazer o seguinte: você vai pegar o Batiman e passar na...
Clotilde: Tá bom, tá bom, eu faço tudo que você quiser. Queridinho da mamãe, tesudinho lindo!
Coringa: Ah, gracinha.
Ajudante: Esse cara é viado, hein! Viado, hein!
Coringa: Opa opa, que negócio é esse de me chamar de viado aí, hein? Ah, aah, o Batiman tá chegando, hein. Vamo acertar ele direitinho agora, hein?
  • Cena 8: Bar (aquele da vitrola eletrônica inocente)
(Feira da fruta é a feira mais cara........)
Robin: Porra, três horas já, caramba!
Batiman: Eu sei vê hora, porra. Bom, o negócio é o seguinte, o pau vai comer solto aqui agora, e moçada, todo mundo pra trás.
Robin: É, o pau vai comer solto aqui, o cacete vai comer aqui, vamo levantar o pau nessa merda aqui hoje.
Batiman: Robin, modere o linguajar, por favor. Muito bem. Você trouxe a moeda que eu pedi?
Robin: Tá aqui, tá aqui na minha mão, olha aqui ela aqui na minha mão.
Batiman: Então vá naquela máquina e ligue esta porra.
Robin: Hmmm... Deixa eu ver... Enfia essa porra aqui, agora, deixa eu ver... Aqui... Esse aqui, esse aqui, esse aqui!
Coringa: Ah, o Batiman chegou, agora vou tirar o pinto dele! O Batiman tá fudido na minha mão agora! Ah! Aah... Agora agora agora!
Coringa: Uh hu hu hu hu hu! Isso é um assalto seu filho da puta, vira a bundinha pra mim, vira Batiman! Viado, bicha! Seu dois bichas!
Batiman: Rápido Robin, para trás do Bat-escudo.
Batiman: Dessa vez eu acerto esse filho da puta!
Robin: Batiman, da onde cê tirou esse Bat-escudo, hein? Porra, da onde cê tirou essa merda?
Batiman: Cê tá muito engraçadinho, hein Robin. Lógico que foi do cu. Podia ser mais da onde, hein?
Robin: Vou saber onde cê guarda essa porra?
Batiman: Engraçadinho. Você tá muito metido, hein Robin. Há, tsc, eu te acerto hoje lá na Batcaverna, viu? Você...
Robin: Ah, deixa pra lá, seu filha da puta.
Batiman: Você me chamou de novo de filho da puta? Não acredito... Viadinho, filho da puta! Viado!
Robin: Seu maconheiro do caralho, cala a boca!
Batiman: Robin, desculpa, nós somos a dupla dinânica, temos que lutar em prol da justiça.
Robin: Hmmm... Vá se fuder seu filha da puta!
Batiman: Outra vez? Não acredito que você está me xingando outra vez, Robin. Eu vou te fuder aga... agora, hein! Sai daqui filha da puta.
Robin: Não enche o saco seu bicha. Você não faz nada comigo não seu filha da puta.
Batiman: Filha da puta?
Robin: Seu, cala a boca!
Batiman: Não acredito!
Robin: Seu viado do caralho, filha da puta! Vem pegar!
Batiman: Robin, se você não sair daqui já, vou te comer a bunda aqui mesmo, hein. Viado, corno manso...
Robin: Vai nada seu corno, vem me pegar.
Batiman: Sai daqui já! Peraí, peraí, esqueci uma coisa, esqueci uma coisa. Meu filho, você vende camisinha aqui? Eu quero uma camisinha. É que eu... Preciso comer o Robin hoje à noite.
  • Cena 9: Esconderijo do Coringa
(Pinng)
(Entrei na feira da fruta...)
Dick: Alô. É sim. Tudo bem? É da casa do caralho. É o chefe? Já vai. Chefe!
Coringa: Ah já vai já vai já vai.
Dick: Ahn, ô chefe, anda porra!
Coringa: Ah, pra mim, pra mim, pra mim.
Coringa: Alô? Quem tá falando? Ah, tia do Batiman, o que você quer sua velha puta? Quer que eu te coma? Ma como? Eu comer você?
Dick: Porra!
Coringa: Ah, tá bom, tá bom, vamo fazer o seguinte... comer a senhora aí na mansão Wayne? Ah, eu vou, eu vou, eu vou. Ah, eu vou agora mesmo, agora mesmo eu vou, eu vou, eu vou. A senhora dá o cu pra mim, tá. Eu vou.
Coringa: Uh, vou comer a tia do Batiman! Uh hu hu hu! Agora mesmo eu vou lá, eu vou lá! Ah ha ha ha ha!
  • Cena 10: Ginásio

(Feira da Fruta, com dança fantástica das cheerleaders)

Clotilde e demais chefes de torcida: Aaaaii!
Chefe de torcida: Estou morrendo de cansaço, vam´bora meninas, vam´bora. Eu vou embora, tchau querida.
Clotilde: Ai, deixa eu pegar isso daqui, o negócio do Coringa de amolecer pinto, ai que tesão! Tirar essa placa...
Batiman e Robin: Ahááá!
Batiman: Minha filha, me dá esse frasco aqui.
Robin: Sua putinha relaxada!
Batiman: Me dá esse frasco aqui minha filha. A senhora...
Clotilde: Não enche o saco, bicha!
Batiman: Aahh! Ih, fudeu, Robin.
Clotilde: Vou por um perfuminho… Humm.
Batiman: Hã, perfume!
Clotilde: Aaaahhh.
Batiman: Ah, Ahn? Vamo Robin, vamo levá ela pra Batcaverna.
  • Cena 11: Esconderijo do Coringa
Ajudante: Chefe.
Coringa: Que foi?
Ajudante: Eu tô cansado pá caralho, só trabalho nesta porra, merda! Dou o cu aqui todo dia!
Coringa: Aaaa, eu não posso fazer mai nada, tô ficando velho, tô acabado, meu pinto não sobe mais. Eu preciso fazer alguma coisa pra me alegrar. Eu sou um palhaço, eu sou o Coringa, o palhaço. O jóker, o palhaço. Cê quer um charuto meu filho? É havano.
Dick: Hã, eh, ah, eu quero, brigado.
Coringa: Ah haa ha ha ha ha ha! Enganei um bobo na casca do ovo! Eu sou um bobo, eu sou um palhaço. Por falar em palhaço, que horas são, hein?
Ajudante: Cinco e meia.
Coringa: Ah, tá na hora de eu comer a tia do Batiman, eu vou comer a tia do Batiman. Eu sou o primeiro, eu sou o primeiro, eu sou o primeiro, vamo lá, vamo lá.
Ajudante e Dick: Vamo lá, vamo lá, vamo lá.
  • Cena 12: Ginásio

(Entrei na Feira da Fruta...)

Jogador 1: Aí moçada, pega aí, pega aí, aahh.
Jogador 2: Vamo jogar, vamo jogar, vamo jogar, vamo jogar.
Jogador 3: Vai vai vai, arremeça aí logo.
Jogadores 1 e 2: Vamo jogar.
Jogador 2: Vamo jogar, vamo jogar, vamo, vamo logo.
Jogador 1: Moçada, vamo parar com isso aqui vai, encheu o saco desse jogo vai, tsc.
Jogador 2: Pô, vamo fazer, vamo fazer uma suruba então, vamo fazer uma suruba.
Jogador 1: Suruba aonde, porra?
Jogador 2: Ah, em qualquer lugar, pô!
Jogador 3: Vam´bora, vam´bora.
Jogador 1: Ceis tão, alguém tem uma moeda aí? Vê se essa porra tá funcionando.
Jogador 2: Vamo ver se essa merda tá funcionando, vamo vê, vamo vê.
Jogador 1: Deixa ver se tem uma moeda, ah, achei, achei a moeda. Deixa eu ver. Deixa eu ver... Ué... Uai, que porra é essa aqui, não tô entendendo.
Jogador 2: Lê, lê, lê isso logo, lê essa porra logo.
Jogador 1: Olha meu, é um documento, tá escrito que o Batiman é viado.
Jogador 2: Ahn? Viado?
Jogador 1: Viado.
Coringa: Uh hu hu hu hu hu hu! Seus bichas! Ah, vou contar pro Batiman hein, vou contar pro Batiman que eu vi vocês pegando isso, viu? Seus cornos mansos! Viadinhos!
Jogador de basquete 1: Quem é esse cara, hein?
Coringa: Ah, cê não sabe quem eu sou, é?
Dick: Cala a boca seu maconheiro filha da puta senão vai tomar porrada, hein seu filha da puta. Maconheiro!
Ajudante: Eu vou te rachar, hein viado.
Jogador 2: Viado é a puta que pariu, hein!
Jogador 1: Vamo pegar esses caras de pau, vai!
Coringa: Ceis que sabem, se querem me pegar de pau, pega, porra, mas depois agüentem as conseqüências. Viu, seus viados? Bichas!
Jogador 2: Êê... Pegar esse cara de pau, porra!
Jogador 1: Viado é a puta que pariu, vamo dar um cacete nesse viado.
Coringa: Aaahh! Aaahh! Ceis querem que o Batiman venha aqui, né? Pegar vocês, salvar vocês.
Jogador 1: Não quero nada porra, vamo pegar esses caras de pau ou não?
Coringa: Ah, mas o Batiman morreu, viu seus viados. Ele morreu. Às quatro horas da tarde, tirei o pinto dele fora. Aah. Falar em tirar o pinto dele fora vou tirar o pinto de vocês também, o que ceis acham, hein?
Coringa: Hã?
Batiman: Não se preocupem, rapazes. Eu mesmo coloquei esse documento aí. Esse documento não prova nada, prova só que o Coringa é um filho da puta. Por falar em filho da puta, o Robin vai dar o cu pra todo mundo hoje hein. O Robin é um viado!
Robin: Hum. Só que um de cada vez, não precisa espalhar, tá? Vamo pega esse filho da puta agora.
Batiman: Vamo vamo vamo vamo.
Coringa: Uuuuu! Ah, Ai, o pau, o pau vai comer solto aqui.
Coringa: Ai meu pinto! Ai!
Robin: Filho da puta!
Coringa: Ai! Ai meu saco! Uh! Ai meu saco, ai meu saco, ai!
Robin: Filho da puta! Viado!
Coringa: Ah, agora vem pegar essa aqui Batiman, pega essa, pega essa. Pega essa.
Coringa: Peidorrento! Eu te pego filho da puta! Uuuhh!
Robin: Ai, ai ai! Me enrolou todo Batiman! Me salva desse filha da puta, me enrolou! Eu tô fudido agora! Ele vai comer meu cu! Me solta, me solta essa merda!
Coringa: Ah ha ha ha ha ha ha! Vou usar esse spray pra tirar o seu pinto fora, Batiman, seu corno.
Batiman: Hé, não adianta, Coringa. Antes de sair da Batcaverna eu tirei meu pinto fora. Eu não tenho pinto, não sei se você sabe disso. Eu sou eunuco! Você tá fudido agora comigo! Ah!
Coringa: Uh. Aaaa.
Jogadores 1 e 2: Ué?
Jogador 2: O que aconteceu nessa porra?
Jogador 1: Vamo vê, vamo vê, vamo vê. Quem é esse palhaço aqui, hein?
Jogador 2: Esse viado aí.
Jogador 1: Êêê.
Jogador 2: Ô, tá fudido, hein.
Jogador 1: Que cê fez com ele, hein Batiman?
Batiman: Eu não fiz nada, eu não fiz nada. Ele que começou a brincadeira. Ele começou, agora se fudeu.
Robin: É.
Batiman: Bom moçada, eu vou embora porque eu tenho mais o que fazer.
Robin: Vamo embora daqui, vamo embora dessa merda aqui. Tá fedendo aqui.
  • Cena 13: Mansão Wayne
Narrador: E na mansão Wayne...
Robin: Querida, onde você vai?
Clotilde: Adeus, Robin.
Robin: Onde cê vai minha filha? Onde cê vai, porra? Não vai dá mais pra mim hoje? Você é um tesão, hein! Não vai embora não.
Clotilde: Uunn, não fala assim que eu fico mui...
Clotilde: Robin, eu não agüento mais você, seu filha da puta.
Robin: Ah, que isso minha filha, não fala assim de mim não. Pelo amor de deus. Eu tenho pinto grande, cê não acha? Ah, meu pau é grande pra caralho, cê não acha? Porra!
Bruce Wayne: Clotilde. O camburão está esperando.
Clotilde: O camburão? Olha, eu queria trepar era com o senhor, viu? Você não quer dar pra mim não?
Bruce Wayne: Não, minha filha, eu não sou disso. Eu sou viado, não sei se você sabe.
Robin: É, ele é viado, você não sabia dessa não, eu não te falei não?
Bruce Wayne: Cala a boca viado!
Clotilde: Ai, mas não faz mal, assim mesmo serve. Eu faço uma chupetinha. Cê deixa, não? Tchau tesão.
Clotilde: Adeus, viu?
Robin: Tesuda, não vai embora não.
Clotilde: Ai, eu quero dar pro senhor viu, o senhor deve ter um pintão. Eu quero dar pro senhor. Vou pegar no seu pinto.
Robin: Ela pega mesmo, hein! Cuidado hein!
Bruce Wayne: Essa juventude de hoje está muito mudada.
Ferramentas pessoais
Espaços nominais
Variantes
Ações
navegação
ferramentas